Cultura é o mote da festa junina em Bacabeira

Ao longo de seis dias os bacabeirenses festejarão os santos de junho, retomando a alegria que esteve ausente por dois anos, pela imposição das regras sanitárias decretadas para conter o avanço da pandemia que castigou o mundo. A ordem de brincar com alegria e em segurança foi da prefeita Fernanda Gonçalo, a inaugurar o Arraial de Bacabeira no dia 25. A programação se estenderá até 2 de julho, com várias atrações locais e com foco na cultura local e regional.

Na abertura do arraial, organizado pela equipe da Secretaria de Cultura, que tem como titular Dan Castro, estavam presentes, entre outras personalidades, os vereadores Ademir Castro, Capitão Lucas e Lucas Seixas, o secretário de Educação Wendel Calvet e os pais da prefeita, senhor Antônio Carlos e senhora Maria do Rosário. Os eventos acontecerão na nova Praça de Eventos, local as grandes celebrações acontecerão a partir de agora. “Estamos retomando a alegria de celebrar”, assegurou a prefeita.

Presenças – Prestigiaram a abertura os vereadores Ademir Castro, Capitão Lucas e Lucas Seixas, o secretário de Educação, Wendel Calvet, a secretária de Saúde Tatiana Fontenele e os pais da prefeita Antônio Carlos e Maria do Rosário. Tatiana Fontenele informou sobre os organismos que oferecem segurança e assistência ao público: Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Guarda Municipal, SAMU e seguranças particulares. “A ordem é prevenir a violência”, garantiu ela.

O arraial tem ajuda de vários parceiros, entre os quais o Governo do Estado. Para a prefeita todos contribuíram para resgatar as manifestações culturais locais e regionais e estimular os grupos a preservar os valores mais tradicionais da cultura bacabeirense. Entre os segmentos atraídos para essa ação está a juventude estudiosa, mobilizada nos estabelecimentos de ensino para dar sua contribuição. “Até aqui estamos satisfeitos com o resultado”, confirmou Fernanda Gonçalo.

Atrações – O arraial foi inaugurado com a apresentação do Boi Bacabeirense, criado há três meses, sob orientação do secretário Dan Castro. Conforme ele o grupo reúne gente da terra, “homens e mulheres empenhados em levar a beleza da nossa cultura para todas as regiões”. No mesmo dia o público curtiu Xandinho Diferenciado, Dressah, um grupo de cacuriá e a Quadrilha Paixão Nordestina, da comunidade de Vidéo.
O vereador Lucas Seixas aplaudiu a programação proposta pelo poder municipal, elogiou a organização do secretário Dan e classificou o evento como “um grande tento da Secretaria Municipal de Cultura. Disse mais: que a festa “representa um mundo novo pós-pandemia, que revigora a força, proporciona a reunião das pessoas para a diversão saudável e é a superação da tristeza daqueles que perderam entes queridos”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.